ESTAÇÕES E MESES

AS ESTAÇÕES

O ano calendário de Sosarra consiste de 52 semanas. Quatro das cinco estações consistem em 10 semanas cada, enquanto a estação intermediária, Vur, consiste em 12 semanas.

Estação 1: Ori – A estação de Ori inicia o ciclo anual, marcando os primeiros sinais do fim da Morte Longa. Ori dura do início do primeiro mês, Atrastyr, até o final da segunda semana do terceiro mês, Leibscea. A antiga palavra tribal Ori significa origem, ascensão ou começo. A estação de Ori também é chamada de Ascensão.

Estação 2: Reibhar – No idioma Tribal Antigo, a palavra Reibhar está intimamente ligada à palavra Ori, mas mais sugestiva da continuação de um começo. Reibhar é mais facilmente traduzida como elevar-se acima do chão. Também é conhecida como a estação do Novo Crescimento.

Estação 3: Vur – A terceira e intermediária estação, Vur, também é chamada de estação do Fogo. Fogo sendo a tradução direta do idioma Tribal Antigo. É, como o nome sugere, a estação mais quente do ano e dura três meses inteiros.

Estação 4: Herfos – Herfos começa no primeiro dia do nono mês, Vindere. Herfos é a palavra no Tribal Antigo para colheita, é por isso que Herfos também é conhecido como a estação da Colheita.

Estação 5: Decir — A estação mais fria, Decir dura do início da terceira semana de Paregelah até o final do décimo terceiro mês, Sveykora. Decir também é chamado de estação da Morte, ou a Morte Longa, sendo esta última um remanescente da era pré-Calendário quando os registros históricos descrevem a época mais fria do ano como sendo a mais longa (e, inversamente, a época mais quente do ano como sendo mais curta).

AS CINCO ESTAÇÕES

ORI (A ASCENSÃO)

REIBHAR (NOVO CRESCIMENTO)

VUR (FOGO)

HERFOS (COLHEITA)

DECIR (MORTE)


OS MESES

Cada um dos trezes meses do Calendário Sosarran consiste em 28 dias, que é o tempo que leva para a maior lua de Verragos, Haleth, completar um ciclo completo de lua nova a lua cheia.

Mês 1: Atrastyr – O primeiro mês. Atrastyr é Tribal Antigo para novo começo e tem ligação etimológica com Atros, o Guardião Cinza. O começo de Atrastyr marca o fim da Morte Longa e o começo da Ascensão.

Mês 2: Aveigeb – O nome do segundo mês significa Aveia dá (vida), referindo-se ao Deus da Vida da Díade.

Mês 3: Leibscea – O terceiro mês significa a vida surge. O ponto intermediário de Leibscea marca o final da estação Ori e o começo de Reibhar.

Mês 4: Silspri – No idioma Tribal Antigo, Silspri significa Silphus Espalha referindo-se ao Deus dos Animais e da Vida Vegetal.

Mês 5: Leibrij – Significa a vida é rica. O final de Leibrij marca o final da estação de Reibhar.

Mês 6: Banaelsen – Significa Banael nasce, referindo-se ao aquecimento do sol, Banael. O começo de Banaelsen marca o começo da estação Vur.

Mês 7: Banaeloch – Significa Banael reina, quando Banael mostra sua majestade como o Deus Celeste do Fogo e Luz. Banaeloch é o ápice da estação Vur.

Mês 8: Banaelag – Banaelag marca o final da estação Vur. Banaelag se traduz como o rebaixamento de Banael no idioma Tribal Antigo. Significa Banael abaixa. Banaelag marca o declínio de Banael. Quando o mês chega ao fim, a estação de Vur também.

Mês 9: Vindere – Vindere significa Vindala Prepare no idioma Trigal Antigo, referindo-se a Patrona da Riqueza e da Fortuna preparando suas habilidades para a próxima colheita. Significa Vindala abençoa, referindo-se a Patrona da Riqueza e da Fortuna abençoando a colheita. Vindere é o começo de Herfos, a estação da Colheita.

Mês 10: Genopreta – A palavra Genopreta significa Louvor pela Abundância. Jalis Falconet nasceu no mês de Genopreta. Genopreta é o mês que as colheitas são feitas. É uma prática agradecer Aveia se as colheitas são abundantes, mas se não forem, é um sinal de que a contraparte de Aveia, Svey’Drommelach, o Deus da Vida Após a Morte da Díade, está subindo na balança. Genopreta é o ápice de Herfos.

Mês 11: Paregelah – Significa preparo para a geada. A estação de Herfos termina após a segunda semana de Paregelah, levando à estação de Decir.

Mês 12: Sveynah – Significa Svey’Drommelach se aproxima. Sveynah marca a chegada da geada e da neve e marca a causa da Morte Longa.

Mês 13: Sveykora – Significa Svey’Drommelach tira (vida). Sveykora é muitas vezes a época quando os mais fracos– os idosos e enfermos – perecem, incapazes de ver a dura estação de Decir chegar ao fim, sob o manto do Deus da Vida Após a Morte da Díade na sua próxima vida na SubTerra de Kambesh.

OS TREZE MESES

ATRASTYR (NOVO COMEÇO)

AVEIGEB (AVEIA DÁ)

LEIBSCEA (VIDA SURGE)

SILSPRI (SILPHUS ESPALHA)

LEIBRIJ (VIDA É RICA)

BANAELSEN (BANAEL NASCE)

BANAELOCH (BANAEL REINA)

BANAELAG (BANAEL ABAIXA)

VINDERE (VINDALA ABENÇOA)

GENOPRETA (LOUVOR PELA ABUNDÂNCIA)

PAREGELAH (PREPARAR PARA GEADA)

SVEYNAH (SVEY’DROMMELACH SE APROXIMA)

SVEYKORA (SVEY’DROMMELACH TIRA)